sábado, 1 de agosto de 2015

Patricio Pitbull: vaias para Bethe foram como a seleção ser vaiada em casa

Campeão peso-pena do Bellator e treinador da brasileira, lutador critica fato da torcida ter se dividido entre a desafiante e Ronda Rousey na pesagem do UFC Rio 7

Por Rio de Janeiro
UFC 190 pesagem: Ronda Rousey x Bethe Correia (Foto: André Durão)UFC 190: Ronda e Bethe se encaram na pesagem (Foto: André Durão)
A equipe de Bethe Correia não digeriu bem as vaias que a brasileira levou na pesagem do UFC 190, neste sábado, na Arena da Barra, Zona Oeste do Rio de Janeiro. O público se dividiu no apoio à desafiante e à campeã Ronda Rousey. Treinador da atleta, Patrício Pitbull disse ter ficado desnorteado com o que aconteceu nesta sexta-feira. O campeão do peso-pena do Bellator chegou a citar as vitórias de Ayrton Senna na Fórmula 1 para justificar a alegria que o povo brasileiro pode ter caso Bethe conquiste o cinturão do peso-galo feminino do Ultimate neste sábado. Ele ainda atribuiu a recepção ruim à atleta da casa a uma "pequena parcela de 'fãzinhos'" e que ela não precisa dessas pessoas.
- É uma pena. Bethe vai lutar pelo Brasil, ela é bastante patriota, acho que o Brasil merece heróis, faltam heróis em um país de tanta corrupção e coisa errada. Na época do Ayrton Senna, o povo era feliz porque no fim de semana podia ver um brasileiro conquistando vitórias importantes. A gente sofria, mas tinha ídolos. Precisamos de ídolos. Hoje temos a oportunidade de ter mais um título importante para o Brasil no esporte e, o que percebemos, foi um público dividido, com a Bethe bastante vaiada, fiquei bastante desnorteado e não gostei nada daquilo. Depois dei um abraço nela e falei que aquilo era uma pequena parcela de "fãzinhos", e Bethe não precisa daquelas pessoas, precisa das pessoas que acompanham nosso trabalho e dão força. E essas pessoas nós sabemos quem são. Então que nós focássemos nessas pessoas que gostam realmente da gente - afirmou, em entrevista aoCombate.com.
Patricio Pitbull MMA (Foto: Marcelo Barone)Patricio Pitbull MMA (Foto: Marcelo Barone)
Na opinião de Patricio, a situação de Bethe recebendo vaias ao subir no palco para se pesar pode ser comparada a vaias para a seleção brasileira ao entrar em campo em uma partida no Brasil. Ele acredita que algumas pessoas criaram antipatia por má interpretação sobre uma declaração da lutadora.

- Particularmente, fiquei bastante decepcionado. Senti como se a seleção brasileira estivesse entrando em campo e recebendo uma vaia do público brasileiro. Nenhum brasileiro merece isso. A mídia tem feito de Ronda uma coisa que ela não é. Sabemos que tem muito marketing envolvido em tudo o que ela faz. Isso do pai dela, ela usa como se Bethe tivesse falado do pai dela, e Bethe não falou. Usou uma expressão brasileira que todo mundo usa. "Se perder, não se mate". Não foi nada tão pesado como ela está fazendo parecer ser e algumas pessoas não têm gostado disso achando que Bethe tivesse falado do pai dela. Criou-se um tipo de antipatia e algumas pessoas não estão torcendo para Bethe - concluiu.

Combate transmite o UFC 190 ao vivo neste sábado, a partir de 19h30 (horário de Brasília), e o Combate.com acompanha em Tempo Real no mesmo horário, com vídeo ao vivo das duas primeiras lutas do card preliminar. Os telespectadores podem interagir com a transmissão no Twitter através da hashtag #UFCRionoCombate. Confira o card completo:
UFC 190
1 de agosto, no Rio de Janeiro
CARD PRINCIPAL - a partir de 23h (horário de Brasília)
Peso-galo: Ronda Rousey x Bethe Correia
Peso-meio-pesado: Mauricio Shogun x Rogério Minotouro
Final do TUF Brasil 4 peso-leve: Fernando Açougueiro x Glaico França
Final do TUF Brasil 4 peso-galo: Dileno Lopes x Reginaldo Vieira
Peso-pesado: Stefan Struve x Rodrigo Minotauro
Peso-pesado: Antônio Pezão x Soa Palelei
Peso-palha: Cláudia Gadelha x Jessica Aguilar
CARD PRELIMINAR - a partir de 20h (horário de Brasília)
Peso-meio-médio: Demian Maia x Neil Magny
Peso-meio-pesado: Rafael Feijão x Patrick Cummins
Peso-meio-médio: Warlley Alves x Nordine Taleb
Peso-galo: Iuri Marajó x Leandro Issa
Peso-médio: Vitor Miranda x Clint Hester
Peso-galo: Hugo Wolverine x Guido Cannetti

Um comentário: